Make your own free website on Tripod.com

Página Brasileira do Morten (Fã Clube Oficial do A-ha)

Letra Traduzida

 

 

" Eu pensei que fosse você"

(I thought that it was you (A-ha)- M.Harket/Ole S. Olsen)

 

 

Eu pensei que fosse você

As coisas que você me viu fazer

Eram verdade

 

O pouco que eu sabia

Você me encontrou na sua alegria

E lá estava eu, um garotinho

 

Minhas sombras não são novas

Minha alma está partida em duas

Senhor, eu sabia que era você

 

Esta neve natalina que cai

Silencia-nos

 

Você conhece o meu maior pecado

Você tem me visto nas profundezas

Então me complete agora como o vento

E deixe o pecado começar

 

Há um rio e você sabe

Há um lugar o qual nós costumávamos ir

É onde eu arremesso nossas cinzas agora

 

Eu devo ter caminhado dentro de uma caverna

Entre estas coisas que você deveria salvar

E lá eu toquei a sepultura

 

Você conhece o meu maior pecado

Você tem me visto nas profundezas

Então me complete agora como o vento

E deixe o pecado começar

 

Às vezes eu tenho certeza de que

Quando eu abri suas portas

Não havia niguém lá antes

 

 

"Um tipo de cartão de natal"

(A Kind of Crhistmas Card-M.Harket)



Você aí de casa
Eu nunca lhe contarei isso
Você não pode saber onde sua filha está
Há formas de viver
Que você nunca entendeu
E fica bem aqui no centro de Hollywood
É entardecer no Sunset Boulevard
Tenho um tempinho e estou tentando escrever
Um tipo de cartão de Natal

Mas, estou me acabando de novo
Esta noite há calor em minhas veias

Querida mãe, todo amor que você me deu
Acho que não tem mais nada para guardar
Este lugar é tão sujo quanto estou me sentindo
Ainda alguma riqueza no Roosevelt
Aquelas preces noturnas
Aquelas lembranças
No meu quartinho, mãe, de joelhos
É lá que estou
No centro de Los Angeles

E eu estou me acabando de novo
E eu preciso superar a vergonha
Esta noite há calor em minhas veias

Basta pensar na garota que eu costumava ser
Um dia você já teve minha idade mãe, vinte e três
Ainda posso ouvir algumas canções que você costumava tocar
naquele verão de amor de 68
Parece que ele se transformou num inverno de ódio

E eu estou me acabando de novo
Preciso superar a dor
Esta noite haverá calor em minhas veias

"Timor-Leste"

(East-Timor-M.Harket)

As árvores de sândalo do bosque estão sempre verdes

Corte-as

Plante grãos de café

Não construa escolas

Não construa estradas

Marque-os como tolos

Vamos ignorar as regras

Deixe-as encalhadas na ilha deles

Convide-as para a melodia do silêncio

Vermelha é a listra que cobre nossa vergonha

Todo reinado, toda terra

Tem seu coração no homem comum

Silenciosa a maré que desloca a areia

Enterre meu coração em Tiomor-Leste

Num coral de areias

Sobre litorais de ouro

Enterrados estão aqueles

Que viveram suas vidas

Nenhum lugar a esconder para

o pai e o filho

Deixe-os encalhados em sua ilha

Convide-os para a melodia do silêncio

Nós apertamos as mãos que matam e perdoam

Todo reinado, toda terra

Tem seu coração no homem comum

Silenciosamente a maré que desloca a areia

Enterre meu coração em Timor-Leste

Nos túmulos áridos

Onde as flores não crescerão

Este rouxinol morreu

Então nós podemos ser livres

Encalhados na ilha deles

Este exército do silêncio

Nós brindamos nossa própria boa vontade e esquecemos

Todo reino, toda terra

Tem seu coração no homem comum

Silenciosamente a maré desloca a areia

Para ficarem atualizados visitem também as páginas do A-ha, do Mags e do Savoy. Muitas novidades!
a-ha.clubeoficial.tripod.com magnefuruholmen.tripod.com savoyband.tripod.com